16 de agosto de 2013

Você pode escolher e desfrutar


Um dia desses ouvi falar que meditar é você ser testemunha dos seus pensamentos, observá-los em sua mente sem julgá-los. Como em um tribunal em que existe o juiz, o advogado, a testemunha, o réu... A testemunha acompanha os acontecimentos e sabe que não precisa se envolver com nenhuma parte, apenas observar sem se contaminar com uma realidade possível, apenas testemunha o que presenciou. Quando a mente está bombardeada de ideias que parecem não cessar, ser testemunha proporcionará um oásis para o descanso mental, permitindo experimentar conforto e serenidade que tornam-se habituais à medida que as práticas passam a ser mais frequentes. 

Estendendo o assunto para outros horizontes (mas os mesmo ares), fiquei a pensar, e em quantos momentos se faz necessária a troca de papéis em relação aos nossos pensamentos e condutas?

Respeitar aquela fase que é importante tomar posição e bater o martelo para ordenar o que deve permanecer e o que deve ir embora, e então, efetivar decisões importantes para o seguimento de sua vida, ou ainda, advogar e assegurar seus interesses em prol do seu bem maior: seu bem-estar, controlando o que pode ser controlado em benefício de seu melhor cliente: você! Em outras ocasiões em que reconhecer e assumir atitudes e comportamentos prejudiciais pode transformar a condição de réu para a liberdade de praticar atos renovados. E por que não, respeitar as fases em que sente o mundo contra você e ao seu jeito de ser, de agir, de sentir e ter a oportunidade de oferecer à vida os seus contra-argumentos e defendê-los com a sua verdade, com o potencial que existe em você e sua capacidade de regenerar e reconstruir as situações da vida.

Lembrando que na meditação, você pode meditar de variadas formas, somente precisa escolher a melhor forma para o seu momento, existe a meditação focada nos movimentos da respiração, há a meditação imersa em uma atividade em que o foco é apenas acompanhar de forma presente o que se está fazendo, entre outras, você escolhe qual posição quer assumir e desfrutar dos resultados em sua vida.





Bianca Galindo

2 comentários:

Seu feedback é muito importante. Você pode dar sua opinião!